terça-feira, 11 de dezembro de 2012

Ponto de Impacto

Postado por Pamela Moreno Santiago às 14:11 2 comentários


Ponto de Impacto .
Autor: Dan Brown .
Editora: Sextante .

Sinopse: Com o objetivo de verificar a autenticidade da descoberta, a Casa Branca envia a analista de inteligência Rachel Sexton para a desolada geleira Milne. Acompanhada por uma equipe de especialistas, incluindo o carismático pesquisador Michael Tolland, Rachel se depara com indícios de uma fraude científica que ameaça abalar o planeta.
Antes que Rachel possa falar com o presidente dos Estados Unidos sobre suas suspeitas, ela e Michael são perseguidos por assassinos profissionais controlados por uma pessoa que é capaz de tudo para encobrir a verdade. Em uma fuga desesperada para salvar suas vidas, a única chance de sobrevivência para Rachel e Michael é desvendar a identidade de quem se esconde por trás de uma conspiração sem precedentes. Com fascinantes informações sobre a NASA, a comunidade de inteligência e os bastidores da política americana, sem falar na polêmica discussão sobre a possibilidade de vida extraterrestre.



Mais um livro emocionante onde a ficção se mistura com a realidade de uma forma que não conseguimos distinguir o que existe do que não existe, rico em detalhes científicos e em adrenalina.
Em meio a disputa pela presidência dos Estados Unidos entre o atual presidente: Zack Heyner e o seu adversário: senador Sedgewick Sexton, acontece uma trama elaborada por um dos principais orgãos responsáveis pela segurança nacional o NRO (National Reconnaissance Office).
O candidato Sexton, tem como principal tema de campanha, a desmoralização da NASA, a divulgação das vultuosas quantias que são gastas com suas experiências e o baixo índice de sucesso que ela obtêm.
O atual presidente Zack Herney, acredita na NASA e no poder que ela confere ao país com suas pesquisas, além de controlar tudo que se refere ao espaço, mais do que isso quer protegê-la dos investidores que gostariam de poder dividir o espaço em pedaços e vendê-los como lotes, inclusive espaços para mídia como outdoor nos lotes e merchandising em foguetes. 
Quando tudo indica que o senador vai ganhar esta eleição pois a população passou a ver a NASA com outros olhos, a descoberta de um meteorito na plataforma de gelo milne no hemisfério norte, de aproximadamente 190 milhões de anos que comprova a existência de vida no espaço, faz com que o jogo vire.  Para dar credibilidade a descoberta sem margens de refutação, o presidente convoca cinco civis para estudarem o meteorito e comprovarem sua legitimidade: três cientistas, altamente credenciados cada um na sua especialidade, Mike Tolland, um oceanógrafo apresentador de programa científico, documentário semanal de alto índice de audiência e Raquel Sexton, uma depuradora do NRO (responsável por elaborar relatórios para a Casa Branca de todos os assuntos que qualificar como importantes)que estrategicamente foi chamada por ser filha do senador Sexton, rival do presidente.  Depois de todos darem seu aval e concordarem que é a descoberta do século, o presidente vai a público em cadeia nacional e emociona todos os americanos.  O problema é que surgiu uma dúvida entre os civis e quando eles vão á fundo para tentar desvendá-la, começam á ser caçados e assassinados, passam por maus lençóis mas três deles conseguem sobreviver, dentre os quais está a filha do senador. Conseguem reunir provas de que o meteorito é falso, mas não conseguem imaginar que quem está por traz da armação é o diretor do NRO, chefe da depuradora e que nem o presidente dos Estados Unidos e nem a Nasa tem conhecimento do fato.

segunda-feira, 19 de novembro de 2012

O Ciclo da Herança #Resenha

Postado por O Livreiro² às 12:17 0 comentários

 Olá, turma. Hoje venho falar de uma série, mais especialmente de um livro, um livro, uma série e uma saga que marcaram minha vida e infância, falo de O Ciclo da Herança. Durante minha infância batalhei e chorei lendo os livros, e quando o próximo ainda não havia lançado, eu me aventurava nas linhas de um caderno qualquer imaginando as novas aventuras de Eragon, Arya e imaginava quão legal seria o próximo livro.
 Quem acompanha a página do Facebook do blog sabe que minha capa de fundo é uma imagem do O Ciclo da Herança e que vivo xingando na língua elfica e anã. 
  

 Vamos lá. A vida de um garoto, este é Eragon, gravem esse nome, muda totalmente quando um estranho ovo azul cai em suas mãos, pouco a pouco ele começa a compreender que é um ovo de dragão, o ovo eclodi e é uma fêmea, a última fêmea de sua raça, ele dá o nome a ela de Saphira. Agora ele era um Cavaleiro de Dragão, fora ele, havia só mais um,  era o Rei. 

 Brom, um contador de história da vila e ex-Cavaleiro ajuda Eragon a entender o tamanho da sua responsabilidade agora que é um Cavaleiro. Como último de sua raça ele precisa defender o Império da tirania do Rei. Uma imensa e magnífica jornada se inicia e só termina no quarto livro, não posso dar spoilers, mas posso dizer uma coisa, na série tudo é banhado a sangue, temperado com magia e recheado de aventuras, guerras e romance.

Na minha humilde opinião, a série é maravilhosa, o enredo é trançado de forma com que tudo se encontre em um único laço no final, embora as narrativas sejam um pouco longas, nunca perdem a ação e a monotonia não dá as caras. Sem dúvida, se temos um ponto marcante é a narrativa, o autor narra as cidades perfeitamente, os personagens são complexos, mas chega um ponto da história que você vira um personagem e começa a querer interferir. 

Temos os anões, os elfos, os meninos-gato, os humanos, Urgals, feiticeiros, bardos, uma verdadeira infinidade de personagens, lugares e mistérios. Poderia ficar aqui descrevendo mais sobre a série até termos um quinto livro explicativo, mas aí a série se tornaria sem-graça por vocês. Realmente espero que leiam essa série, é maravilhosa do começo ao fim.

domingo, 18 de novembro de 2012

Resenha: Brincos de Ouro e Sentimentos Pingentes

Postado por Pamela Moreno Santiago às 14:26 2 comentários

Brincos de Ouro e Sentimentos Pingentes
Autor: Luiz Antonio Aguiar
Editora: Biruta
Nota: 

Sinopse: “Brincos de ouro e sentimentos pingentes” é um livro que revela que o final feliz de uma história de amor é deixar naturalmente o amor acontecer. Afinal de contas, para Manuela ‘é na dor’ que ela parece confessar como o próprio corpo nos seus poemas que tornam essa história de amor mais amorosa ainda.

Através de um vai – e - vem na trama e nos capítulos, é narrada por Mariana sua história de amor, desde o ponto atual de sua idade (16 anos) nos remetendo até o início da adolescência e o abandono da infância, marcado pelo primeiro amor de sua vida – e até então o único que conseguiu arrebatar e avassalar com seu pobre coração juvenil.

“Então, bateram na porta do meu quarto.
Era o Pedro Cláudio.
Eu nunca o tinha visto.
E, na hora em que o vi, devo ter ficado com uma tremenda cara de babaca.
Ele era lindo.
É lindo.” [pg. 18]

Ela, com onze anos, ele, com dezenove, começam uma amizade de poucas palavras, mas com muitos olhares e muito bater de corações. O desenrolar do tema se dá de maneira suave e com linguagem própria dos jovens. Mariana se vê dialogando consigo mesma e expressa seus sentimentos através de poemas, escritos em sua maioria entre os catorze e quinze anos.

“Vou rasgar você de mim.

                 (não, não vou fazer outro poema sem fundo: chega!)” [pg. 86]

A diagramação elaborada pela editora Biruta é perfeita e nunca tinha tido a oportunidade de poder ter contato com um livro da editora. Fiquei encantada e descobri, depois, que tenho um outro título da mesma, um pouco mais antigo e não tão belo assim. Com relação ao autor, ele conseguiu atingir o objetivo de transcrever em linguagem própria de uma adolescente os tropeços que a vida dá com relação aos amores.

domingo, 11 de novembro de 2012

A Breve Segunda Chatice de Stephenie Meyer

Postado por O Livreiro² às 10:26 3 comentários

Autor: Stephenie Meyer

Editora: Intrísseca

Páginas: 192

 Respeitáveis leitores, apresento-vos o livro A Breve Segunda Chatice de Stephenie Meyer.

 Como assim, produção? Está errado? Ah, bem lembrado... Respeitável leitores, apresento-vos novamente o livro A Breve Segunda Vida de Bree Tanner.

Pela primeira vez Stephenie Meyer oferece aos fãs uma nova perspectiva do universo de "Crepúsculo". Na voz de Bree Tanner, uma jovem vampira integrante do violento exército de recém-criados que assola a cidade de Seattle no terceiro volume da série, "Eclipse", somos apresentados ao lado sombrio da saga. Bree vive nas trevas, sedenta por sangue. Não conhece sua verdadeira natureza e não pode confiar nos de sua espécie. Sua breve história acompanha a semana que antecede o confronto definitivo entre os recém-criados e os Cullen - a última semana de sua existência.

Ponto Forte: Todos que viram Eclipse, já começam o livro, sabendo do final. O final triste e que poucos lembram, a tratam como figurante, mas sua jornada até a tão famosa cena de Eclipse, foi árdua. Muitos criticam Stephenie, muitos a adoram, eu apenas leio se for bom. Sem preconceitos, sem conclusões precipitadas.

É claro que esse foi um livro em especial, que por sinal, muitos o adoram. Porque como eu já disse, mesmo sabendo o final de tudo, cada capítulo é uma nova surpresa, a fascinação dela, em descobrir que pode encontrar a luz do sol, e Stephanie faz jus a sua fama. Nos momentos de tensão, sentia uma pontada de adrenalina sem igual. Recomendo a leitura, a todos que gostam - ou não - de vampiros. Não gosto mas amei a leitura, e você vai ficar de fora dessa ?

Ponto Fraco: Apesar de tantos elogios, acho sim que o livro teve um ponto fraco, que se não visto com cautela, pode comprometer toda a história do livro. Bree certamente é uma pessoa muito confusa, e isso atrapalha bastante a leitura. Ela se opõe, e é um tanto indecisa. Basta ter uma brecha e Stephenie nos deixa mais confuso ainda, com algumas situações. Ela ama e odeia, é muito extrema.

Skoobeiros do Balacobaco (Alter ego oficial do Skoobeiros) precisa falar:

   Geeeeeeeeeeeeente, que coisa, vampiros zumbis, nasce, morre, revive, dança Thriller na casa do Drácula e... Geeeeeeeeeente, que drama pra matar uma vampirinha. Se ela ainda fosse alguém importante na história...
  A realidade é que foi um livro inventado do nada pra ganhar mais alguns milhões ou milhares de dólares.

 Eu, enquanto blogueiro fiel e verdadeiro, só posso elogiar a diagramação e a revisão do livro, uma boa aposta da Intrínseca, mas apostou errado, dependendo do seu ponto de vista, lógico.

quinta-feira, 8 de novembro de 2012

Caixinha de Correios #3

Postado por O Livreiro² às 15:58 1 comentários


E quem está doido pelo filme "O Hobbit" levanta a mão. \o/

domingo, 4 de novembro de 2012

Resenha: A Culpa é das Estrelas

Postado por Pamela Moreno Santiago às 21:50 2 comentários


A Culpa é das Estrelas
Autor: John Green
Editora: Intrínseca
Nota: 

Sinopse: Em "A culpa é das estrelas", Hazel é uma paciente terminal de 16 anos que tem câncer desde os 13. Ainda que, por um milagre da medicina, seu tumor tenha encolhido bastante - o que lhe dá a promessa de viver mais alguns anos - , o último capítulo de sua história foi escrito no momento do diagnóstico. Mas em todo bom enredo há uma reviravolta, e a de Hazel se chama Augustus Waters, um garoto bonito que certo dia aparece no Grupo de Apoio a Crianças com Câncer. Juntos, os dois vão preencher o pequeno infinito das páginas em branco de suas vidas. 

Doce. Encantador. Emocionante. Perfeito. Divertido. Melancólico. Romântico. Além da vida.
Poderia passar o dia tecendo palavras-chave que descreveriam o quão John Green conseguiu tocar meu coração. Procurei não ir atrás de muitas resenhas antes de adquirir o livro, apenas o necessário. Uma jovem. 16 anos. Vítima de um câncer de tireoide. Metástase nos pulmões. Forçada a ir às reuniões do Grupo de Apoio. Em uma das seções, conhece Augustus Waters, um jovem musculoso que não tirava os olhos dela, também vítima de um câncer (osteossarcoma), mas o qual estava livre há um ano e meio. Dezessete anos, dono de uma voz sensual, corpo sexy, sorriso sincero, mas ao mesmo tempo cafajeste.


“Por fim, resolvi que a melhor estratégia seria também olhar fixamente para ele. Afinal de contas, os garotos não detêm o monopólio da Atividade Encantadora.” [ cap.1, pg. 16]


Através da obra fictícia venerada por Hazel, “Uma aflição imperial” é o pontapé inicial para que ela e Gus tivessem uma relação bem próxima. A busca para saber o final do livro faz com que eles viajem até a Holanda, para conversar pessoalmente com o autor. O livro termina no meio de uma frase, supondo que a personagem principal tenha ou morrido, ou se cansado extremamente, não conseguindo prosseguir com a escrita. Ambos não acreditavam que a história terminaria ali, e tirariam isso a limpo assim que encontrassem com Peter Van Houten. 
 Durante a viagem de ida, Gus finalmente confessa algo que estava guardado dentro dele desde o dia em que se conheceram.

“- Estou apaixonado por você – ele disse, baixinho.” [cap. 10, pg. 142]
Daí em diante desandei a chorar de tal maneira que, mesmo sofrendo e com o coração apertado, não conseguia soltar o livro enquanto não soubesse se meus palpites estavam certos. Infelizmente sou muito realista e já os previ desde o início.
Com certeza, apesar de ser deveras triste, a narrativa criada a partir da visão de Hazel dos fatos ocorridos fez com que tirasse lições de vida importantíssimas. Eram diálogos muito bem elaborados, que me fizeram crer no amor verdadeiro, no amor que transcende a fina linha entre a vida e a morte.


sábado, 20 de outubro de 2012

O Clã dos Blogs #Promoção

Postado por O Livreiro² às 11:39 4 comentários

E, mais uma vez, trago uma promoção em parceria com o blog Primeiro Livro!
Será um sorteado que levará pra casa:
1 camiseta do blog Skoobeiros + marcadores (enviados por mim)
1 exemplar do livro "O Clã dos Magos" + marcadores (enviados pela Amanda)

Siga as regras do formulário e...
Que a sorte esteja com vocês! 

a Rafflecopter giveaway

# Não deixe de ler Terms & Conditions no final do formulário.

Resenha: O Desejo de Pintar

Postado por Pamela Moreno Santiago às 11:04 1 comentários

O desejo de pintar – e outros poemas em prosa
Autor: Charles Baudelaire
Versão para o português e pinturas: Mario Vale
Editora: Noovha America
Nota:  

Sinopse: Mario Vale, inspirado em Charles Baudelaire, faz um duplo convite ao leitor jovem, para que se reconheça no universo desse enorme poeta e experimente a beleza das imagens que ele compôs para ilustrar o seu O desejo de pintar e outros poemas em prosa.


              É um livro totalmente diferente de tudo o que já vi, pois junta além da arte da poesia, a arte da pintura. São pouquíssimos e breves poemas, escritos em forma de prosa, mas com a desenvoltura e as características de uma verdadeira e bela poesia.
             Recomendado a todos os amantes da arte!

sábado, 13 de outubro de 2012

Entrevista com o autor

Postado por Pamela Moreno Santiago às 00:03 0 comentários

Bom dia pessoal. Hoje trago a mais nova coluna do blog, sobre entrevistas com autores, blogueiros. Para estreá-la, trago a entrevista realizada com Simone O. Marques, nova parceira do blog e autora dos livros Agridoce,Paganus e Os Deuses do Mar. Vamos conferir?


DDL: Quando e como ocorreu o "despertar" para você começar a escrever?
Simone: Meu despertar aconteceu em fevereiro de 2007, depois de um sonho que tive. Quando acordei me senti motivada a tentar descrever o sonho em seus detalhes. Escrevi umas vinte páginas e, quando as li, vi ali uma história que poderia ser muito mais. Resolvi desenvolvê-la e, em oito meses, tinha uma saga com cinco livros e três contos escritos. 

DDL: Quais são seus projetos atuais?
Simone: Hoje, além de alguns contos para antologias para as quais fui convidada e da criação de argumento para uma HQ, estou trabalhando para tentar a publicação diferenciada da minha série Crônicas do Reino do Portal. 

DDL: Fale-nos sobre seus livros publicados e os que ainda serão lançados. 
Simone: De 2007 até hoje tenho sete livros que foram publicados. Atualmente são 3 livros que estão no mercado: Paganus (é a reedição do livro Gênese Pagã de 2008, com editora, capa e diagramações novas, além de um prólogo e cerca de 100 páginas extras); Agridoce (é a reedição pela Modo do livro que foi lançado em 2010 por outra editora, capa e diagramação novas também) e Marina e os tesouros da Tribo de Dana - Os Deuses do Mar (livro de fantasia juvenil, o primeiro de uma série).
Para o ano que vem, teremos: Beltane (sequência de Paganus), Cítrico (sequência de Agridoce) e Marina e os tesouros da tribo de Dana - Fadas e Druidas, além das Crônicas do Reino do Portal - O enigma da adormecida. 

DDL: De acordo com o que você vivenciou na procura de uma editora para a publicação de seus livros, há espaço para novos escritores no Brasil? Como isso se dá, de maneira simples ou a luta é árdua e constante?
Simone: Nossa... é uma luta árdua e constante. Não é fácil não para novos escritores brasileiros que têm que concorrer com as obras estrangeiras em muitos sentidos. Um dos entraves é superar a valorização que as grandes editoras dão às obras estrangeiras, que representam ganhos garantidos, e o desdém com que tratam obras de novos autores nacionais. Outro entrave é convencer os leitores que preferem obras estrangeiras, por piores que elas sejam, a experimentarem livros de autores nacionais.
Há hoje espaço para novas publicações em pequenas editoras e sob demanda,neste meio há livros terríveis, sem dúvida, mas também há coisas muito boas que precisam ser descobertas pelos leitores, mas seu alcance está longe de ser satisfatório.
Uma frase recorrente de editoras médias e grandes: Não aceitamos originais não solicitados.
Eu me pergunto: como irão solicitar seu original se não te dão a chance de mostrá-los? 
Enfim... é um caminho de pedras, sem dúvida.

DDL: Qual é o papel do blogueiro nesta jornada?
Simone: Os blogues têm ajudado muito num aspecto essencial para que o público conheça novas obras: divulgação. 
Divulgar é a grande dificuldade dos novos autores, pois é uma busca por um público que olha enviesado para suas obras. Os blogues têm cooperado com essa divulgação, com suas resenhas e análises, dando a chance dos autores se apresentarem e a oportunidade dos leitores os conhecerem. 

DDL: Deixe um recado aos novos escritores que estão no início desta caminhada e aos leitores, que admiram a literatura nacional contemporânea. 
Simone: Para os novos escritores: Faça um trabalho de qualidade, preocupe-se em apresentar um material que o promova e que motive os leitores a quererem mais, mostrando quão boa pode ser a nova literatura nacional. Há obstáculos, mas não desista, pois a luta faz parte do caminho do autor. Para os leitores que admiram a literatura nacional contemporânea: Muito, muito obrigada. =)


Postado originalmente no blog O Diário do Leitor

sexta-feira, 12 de outubro de 2012

Lançamentos: Novo Conceito .

Postado por Sara Lonngren às 12:49 0 comentários

O Mensageiro Milionário 


Autor: Brendon Burchard
Sinopse: Nesta obra, que muda as regras do jogo, você constatará que:

- Sua história de vida e sua experiência têm importância e valor de mercado maiores do que você sonhou.

- Você está aqui para fazer a diferença. O melhor modo de realizar isso é apresentar convenientemente seus conhecimentos (sobre qualquer tópico, em qualquer setor) para ajudar outras pessoas a obterem sucesso.

- Você pode ser remunerado por compartilhar suas informações e recomendações práticas e úteis. No processo, é possível construir um negócio lucrativo e uma vida profundamente significativa.

Preces e Mentiras.


Autor: Sherri Wood Emmons
Sinopse: Quando Bethany, de 7 anos, conhece sua prima de 6 anos, Reana Mae, é o começo de uma relação desajeitada que salva ambas de uma solidão profunda. Todo verão, Bethany e sua família vão de Indianapolis para West Virginia’s Coal River Valley. Para a mãe de Bethany, essas viagens até lá a lembram de sua infância pobre e composta por minas de carvão, um lugar do qual ela desejou escapar. Mas seus amados familiares e a amizade de Bethany e Reana Mae continuavam trazendo lembranças.
Mas conforme Bethany cresce, ela percebe que a vida nessa comunidade pequena e unida não é tão simples quanto pensava... que as cabanas na beira do rio, que guardam muito da história de sua família, também geram fofocas escandalosas... e aqueles mais próximos a ela guardam segredos inimagináveis. No meio das florestas densas e da beleza silenciosa do vale, esses segredos estão finalmente sendo revelados, com uma força suficientemente devastadora para acabar com vidas, fé, e a conexão que Bethany pensou que duraria para sempre.


Um Olhar de Amor



Autor:Bella Andre
Sinopse:Chloe Peterson está tendo uma noite ruim. Uma noite realmente ruim. O machucado grande em sua bochecha pode provar isso. E quando seu carro patina para fora da estrada molhada em direção a uma vala, ela está convencida de que até o cara maravilhoso que a salvou do meio da tempestade deve ser muito bom para ser verdade. Ou ele é mesmo? Por ser um fotógrafo de sucesso que viaja frequentemente pelo mundo, Chase Sullivan tem seu jeito com mulheres bonitas, e quando ele está em casa, em São Francisco, um de seus sete irmãos normalmente está acordado para começar um pouco de diversão. Chase acha que sua vida é ótima do jeito que está — até a noite que encontra Chloe e seu carro destruído na rodovia Napa Valley. Não apenas nunca tinha conhecido alguém tão adorável, por dentro e por fora, mas como também percebe que ela tem problemas maiores do que seu carro batido. Logo, ele será capaz de mover montanhas por amor — e proteção — a ela, mas ela deixará? Chloe prometeu nunca cometer o erro de confiar em um homem novamente. Mas a cada olhar que Chase lança a ela — e a cada carinho doce e pecaminoso — conforme a atração entre eles sai faísca e esquenta, ela não pode fazer nada a não ser se perguntar se encontrou a única exceção. E apesar de Chase não perceber que sua vida mudaria para sempre em um instante, para melhor, ele não é o único a querer lutar por essa mudança. Ao contrário, ele está se preparando para uma luta... pelo coração de Chloe.

Segredos Revelados



Autor: Fern Michaels
Sinopse: Kate e Alex Rocket são abençoados com um casamento maravilhoso e uma casa adorável. Apesar de Kate ser incapaz de ter filhos, ela e Alex cuidam de Sara e Emily, as afetuosas filhas de seus bons amigos Don e Debbie Winter, como se fossem da família. Com uma ligação, tudo muda. Sara acusa Alex de um crime hediondo, criando uma briga entre os casais. Em um único momento, a vida deles se tornou um pesadelo sem fim. Kate só pode observar, impotente, enquanto seu marido inocente é condenado e mandado para a prisão. Quando uma tragédia ainda maior acontece, Kate não tem escolha a não ser transformar sua dor em raiva... Quando sua vida está no momento mais obscuro, Kate descobre uma força interior e uma solução arriscada para limpar o nome do marido — e arruinar a vida daqueles que destruíram tudo que ela construiu com Alex. Mas o maior desafio de Kate será vingar Alex sem ter seu futuro perdido — e um novo amor precioso. Enquanto Kate tiver coragem e esperança, talvez ela não perca tudo...

segunda-feira, 8 de outubro de 2012

O Último Reino #Resenha

Postado por O Livreiro² às 13:37 2 comentários

 Saudações guerreiros do Norte, lanças afiadas e machados ensanguentados? 

 Infelizmente não. Porém, admito, que garoto nunca sonhou em conquistar terras, salvar as donzelas de um vilão sanguinário?

 Mas quem disse que as lutas eram bonitas e os deuses da guerra festejavam no Palácio de Odin? 
 Bardos eram pagos pra criar poemas e cantigas que deveriam exaltar e ser espalhados por todos os reinos como prova de que um homem pode ir contra milhares desde que a honra e os deuses estivessem ao seu lado.

 Enfim, guerreiros, O Último Reino faz parte de uma série escrita pelo escritor britânico Bernard Cornwell.

 A paz não foi feita pro homem, ou talvez possamos considerar que a paz é um prenúncio da guerra e são escassos os tempos em que há uma paz mundial.
 O homem sempre decide derramar sangue alheio e oferecer sua vida por algo, seja um ideal, uma teologia ou até mesmo pelo puro prazer de manchar a terra de vermelho.

 Bernard Cornwell é um autor britânico que nesse livro mostra seu domínio da cultura inglesa e seu dom em hipnotizar os leitores com simples palavras. Não podemos negar, ao ouvir a palavra sangue todos nós prestamos atenção, somos sanguinários, esse é nosso instinto. Paremos com o hidromel e vamos a história.

 Uhtred é um pequeno príncipe inglês que se vê raptado durante uma invasão dinamarquesa e, ao passar do tempo, descobre que todas as suas terras que agora deveriam lhe pertencer foram usurpadas por seu próprio tio. Logo, não vê mais saída a não ser esquecer toda sua história e viver com os temidos bárbaros dinamarqueses, adotando sua religião e brindando em nome dos olhos de Odin.

  Conforme Uhtred vai crescendo, começa a odiar a Inglaterra e todo seu cristianismo fanático por alguma entidade que nunca parece presente chamada Deus, afinal se Deus existe e protege todos seus filhos, por que ele havia sido raptado quando criança?
  Questionando a si mesmo sobre Ele, acaba concluindo que milagres e Deus são como os mitos, só servem para assustar ou iludir pessoas ingênuas e fracas que uma espada não servem para segurar e proteger suas próprias vidas.

 Nessas reviravoltas emocionantes, a guerra entre reinos já se fazia iminente, e é exatamente isso que acontece.

 Para não soltar spoilers tenho que parar a resenha bruscamente por aqui, mas permito-me dizer que esse livro é recheado com romances, guerras e mortes, extremamente regado a sangue e batalhas e um toque especial de guerras religiosas.

 Paredes de escudos, guerreiros invencíveis e prisioneiros indomáveis tudo isso você encontra nesse cativante livro de Bernard Cornwell.

 Mantenham suas espadas afiadas, bárbaros. A guerra caminha ao lado da morte, mas que os ventos soprem teus navios.

 Enfim, voltemos ao hidromel.

Lançamentos : Novo Conceito.

Postado por Sara Lonngren às 13:19 0 comentários
Olá galera, tudo bom ? Sou a Sara, nova colunista aqui do Skoobeiros, e dona do blog “Seja a Garota”. Sim, é de livros também ! Aqui vão os lançamentos da Novo Conceito, que eu particularmente, estou louca para ler todos !



O Começo do Adeus
  “Aprendendo a se despedir..”

Autora: Anne Tayler
Sinopse: Anne Tyler nos leva a um romance sábio, assustador e profundamente tocante em que descreve um homem de meia-idade, desolado pela morte de sua esposa, que tem melhorado gradualmente pelas aparições frequentes da mulher — na casa deles, na estrada, no mercado.
Com deficiência no braço e na perna direita, Aaron passou sua infância tentando se livrar de sua irmã, que queria mandar nele. Então, quando conhece Dorothy, uma jovem tímida e recatada, ele vê uma luz no fim do túnel. Eles se casam e têm uma vida relativamente modesta e feliz. Mas quando uma árvore cai em sua casa, Dorothy morre e Aaron começa a se sentir vazio. Apenas as aparições inesperadas de Dorothy o ajudam a sobreviver e encontrar certa paz.
Aos poucos, durante seu trabalho na editora da família, ele descobre obras que presumem ser guias para iniciantes durante os caminhos da vida e que, talvez para esses iniciantes, há uma maneira de dizer adeus.


P.s: Eu te amo.
“Existe amores que duram mais que uma vida”

Autora: Cecilia Ahern
Sinopse: Gerry e Holly eram namorados de infância e ficariam juntos para sempre, até que o inimaginável acontece e Gerry morre, deixando-a devastada. 
Conforme seu aniversário de 30 anos se aproxima, Holly descobre um pacote de cartas nas quais Gerry, gentilmente, a guia em sua nova vida sem ele. Com ajuda de seus amigos e de sua família barulhenta e carinhosa, Holly consegue rir, chorar, cantar, dançar e ser mais corajosa do que nunca.



O Reino
“Uma aventura dos fargos”

Autor:Cliver Cussler
Sinopse: Em Spartan Gold e Lost Empire, Clive Cussler levou os leitores ao mundo do time do casal Sam e Remi Fargo, em que suas paixões e instinto para caçar tesouros trouxeram descobertas extraordinárias e jornadas perigosas.
A próxima aventura do casal, no entanto, pode ser mais ainda aterrorizante.
Os Fargos são especialistas em caçar tesouros e não pessoas. Mas, então, um barão do petróleo de Texas os procura com uma pedido pessoal: um investigador amigo dos Faros estava em uma missão para procurar o pai do barão, porém, agora ele também está sumido. Sam e Remi seriam capazes de procurar pelos dois? Apesar de não ter adicionado muita informação sobre o caso, Fargos concorda em começar a procura.
O que eles encontrarem irá além do que eles imaginaram. Em uma viagem que os irá levar a Tibet, Nepal, Bulgária, Índia e China, os Fargos serão envolvidos com um mercado negro de fósseis, um baú centenário e o ancião do Reino Tibetano de Mustang, um dirigível do século anterior... e um esqueleto que poderia virar a história humana de cabeça para baixo.



Charlotte Street
“Um romance engraçado e irreverente. Uma história de amor..”

Autor:Danne Wallace
Sinopse: Tudo começa com uma garota... (porque sim, sempre há uma garota...) Jason Priestley acabou de vê-la. Eles partilharam de um momento incrível e rápido de profunda possibilidade, em algum lugar da Charlotte Street. E então, em um piscar de olhos, ela partiu deixando-o, acidentalmente, segurando sua câmera descartável, com o filme de fotos completo... E agora Jason — ex-prodessor, ex-namorado, escritor e herói relutante — se depara com um dilema. Deveria tentar seguir A Garota? E se ela for A garota? Mas aquilo significaria utilizar suas únicas pistas, que estão ainda intocáveis em seu poder... É engraçado como as coisas algumas situações se desenrolam...



Um porto seguro.
“Nos momentos mais difíceis, o amor é o único refúgio”

Autor:Nicholas Sparks
Sinopse: Quando uma mulher misteriosa chamada Katie aparece repentinamente na pequena cidade de Southport, na Carolina do Norte, questionamentos são levantados sobre seu passado. Linda, mas discreta, Katie parece evitar laços pessoais formais até uma série de eventos levá-la a duas amizades relutantes: uma com Alex, o viúvo, com um coração maravilhoso e dois filhos pequenos, a outra com sua vizinha muito franca, Jo. Apesar de ser reservada, Katie começa a baixar a guarda lentamente, criando raízes nessa comunidade solícita e tornando-se próxima demais de Alex e de sua família. No entanto, quando Katie começa a se apaixonar, ela se depara com o segredo obscuro que ainda a assombra e a amedronta: o passado que a deixou apavorada e a fez cruzar o país para chegar no paraíso de Southport. Com o apoio simpático e insistente de Jo, Katie percebe que deve escolher entre uma vida de segurança temporária e outra com recompensas mais arriscadas... e que, no momento mais sombrio, o amor é seu único refúgio.

domingo, 30 de setembro de 2012

Resenha: Histórias Extraordinárias

Postado por Pamela Moreno Santiago às 21:47 2 comentários

Histórias Extraordinárias
Autor: Edgar Allan Poe
Editora: Martin Claret
Nota: 

Sinopse: O homem sempre sentiu medo, sobretudo daquilo que não pode entender, do incerto e – porque não dizer – do proibido. Talvez por isso o horror tenha algo que nos afaste, mas que também nos atraia e nos deixe fascinados. E foi desbravando essa estranha e ambígua sensação que o contista, crítico e poeta norte-americano Edgar Allan Poe se consagrou como um dos mestres do gênero do terror e o pai da literatura policial. Ambientes sombrios, ruas desertas, esquinas escuras, mansões malditas, assassinatos misteriosos e personagens sobrenaturais compõem a atmosfera gótica que tanto marcou suas histórias de terror. Poe detém o poder de envolver o leitor desde a primeira frase. Ele nos conduz pelo conto, deixando escapar apenas o que devemos saber naquele momento, mantendo o suspense até o desfecho invariavelmente inesperado. Mas sua fina ironia, seu sarcástico humor e suas inigualáveis lógicas e sagacidade também são elementos que cunharam a obra desse homem que influenciou de forma decisiva o conto moderno de horror. Ler as histórias de Edgar Allan Poe nos faz regressar aos tempos de infância, em que os maiores medos despertavam o horror, mas também deixavam um estranho desejo de sentir o corpo arrepiar, só mais uma vez. Uma experiência inigualável.
Resenha
            Esta edição de “Histórias extraordinárias” traz para nós os cinco contos mais famosos de Edgar Allan Poe. Dentre os cinco contos, os que mais destaco são “O Gato Preto” e “A Queda da Casa de Usher”, os que mais nos deixam apreensivos e por vezes até com medo do que virá.
            Tudo gira ao redor do suspense e do terror, características marcantes da escrita do autor. Por vezes, ele é até considerado um autor de estilo gótico.
            O Gato Preto traz a história de um homem doce, que ama os animais. Até que um dia, o álcool o faz se tornar um homem rude e com instintos assassinos. O gato acaba com todas as chances de um crime cometido por ele ser perfeito.
            A Queda da Casa de Usher nos conta que certo dia, um homem recebe o pedido de um amigo de infância para ir visitá-lo, pois ele está muito doente e não quer passar seus últimos dias sozinho. A doença se deve ao fato de sua irmã estar muito doente também, e a preocupação o assola. Ela morre e juntos eles a enterram no interior da casa, em algo parecido com um porão. Através de barulhos estranhos vindos da casa, como se ela quisesse contar algo, eles descobrem que cometeram um gravíssimo erro.
            Os demais contos são: O Enterro Prematuro (que liga também à história deA Queda da Casa de Usher), William Wilson e O Poço e o Pêndulo.
            Recomendo a todos que gostam de suspense e clássicos da literatura mundial!

Sobre o autor: Edgar Allan Poe nasceu em Boston, Massachusetts. É considerado um dos precursores da literatura de ficção científica e fantástica modernas. Os seus contos macabros, profundamente influenciados pelo romance gótico, em moda no século XIX, marcaram sem sombra de dúvida o panorama literário norte-americano.

quinta-feira, 27 de setembro de 2012

Quinta do Poema #1

Postado por O Livreiro² às 17:49 0 comentários
 E quem negará que existe coisa melhor que amar, melhor do que ler um ótimo livro, arrisco-me a falar.  Aquelas velhas brincadeiras de quem ama e daquele que acha que ama, as cartas, poemas, declarações jogadas aos ventos que o tempo sopra para um passado que passa cada vez mais rápido,
  Loucuras, sim, amar é loucura, sempre foi e sempre será, impérios caíram, lendas foram criadas e quem nunca se embaraçou quando o assunto é amor.
 O amor é um sentimento tão profundo que é impossível de se definir, felizmente tentar é possível, definiria, simplesmente definiria como uma camiseta.
 Sim, uma camiseta, afinal, quando você a adora, você tenta cuidar dela, não deixa manchar, rasgar, desbotar. Não deixe, nunca, seu amor desbotar, nunca se desapegue. 
  A vida não é curta demais pra mudar de camiseta o tempo todo?

domingo, 23 de setembro de 2012

Resenha: O Diário de Suzana para Nicolas

Postado por Pamela Moreno Santiago às 21:21 1 comentários


O Diário de Suzana para Nicolas
Autor: James Patterson
Editora: Arqueiro
Nota: 

Sinopse: Depois de quase um ano juntos, o poeta Matt Harrison acaba de romper com Katie Wilkinson. A jovem editora, que na tinha qualquer dúvida quanto ao amor que os unia, não consegue entender como um relacionamento tão perfeito pôde acabar tão de repente. Mas tudo está prestes a ser explicado. No dia seguinte ao rompimento, Katie encontra um pacote deixado por Matt na porta de sua casa. Dentro dele, um pequeno volume encadernado traz na capa cinco palavras, escritas com uma caligrafia que ela não reconhece:Diário de Suzana para Nicolas. Ao folhear aquelas páginas, Katie logo descobre que Suzana é uma jovem médica que, depois de sofrer um infarto, decidiu deixar para trás a correria de Boston e se mudar para um chalé na pacata ilha de Martha’s Vineyard. Foi lá que conheceu Matt. E lá nasceu o filho deles, Nicolas. Por que Matt teria lhe deixado aquele diário? Agora, confusa e sofrendo pelo fim do relacionamento, é nas palavras de outra mulher que Katie buscará respostas para sua vida. O Diário de Suzana para Nicolas é uma história de amor que se constrói páginas por página. Cada revelação é mais uma nuance sobre seus personagens. Cada descoberta é mais um fio a ligar vidas que o destino entrelaçou.

Resenha

A história de O Diário de Suzana para Nicolas é muito boa, mas não consigo engolir o tipo de escrita de James Patterson. Tive a oportunidade de ter contato com o livro 4 de Julho, e já não foi uma leitura muito bem sucedida, mas creio que é somente este o ponto fraco em minha visão.
            É contada a história de amor de Matt, Suzana e o filho deles, Nicolas, através de um diário, deixado pelo próprio Matt à atual namorada, Kate. É através das palavras de Suzana que ela entende o porque ele a havia deixado. Cada palavra, cada sentimento expresso através de Suzana me emocionou, desde o momento em que ela diz os problemas pessoais que a levaram a abandonar a cidade grande, até o nascimento do pequeno Nicolas.
            Confesso que o final já era esperado por mim desde o início, mas mesmo assim, doloroso.
            Traz-nos um grande aprendizado de vida e nos mostra o quão é importante valorizar as pessoas que temos e o momento que vivemos juntos.

Sobre o autor: James B. Patterson (Nasceu no dia 22 de Março de 1947) é um autor americano de romances de suspense, amplamente conhecido por sua série sobre o psicólogo americano Alex Cross. Assim como é autor de muitos outros livros de não-ficção e romances.

 

Confins da Leitura Copyright © 2012 Design by Antonia Sundrani Vinte e poucos